O vencedor da 20ª edição do Rallye de Monte Carlo Histórico, que terminou esta quarta-feira, foi o belga Michel Decremer, num Opel Ascona 2000, um piloto que é presença habitual no Rally de Portugal Histórico. Decremer partiu de Reims, França.

O melhor classificado dos 13 carros que partiram da sede do Autómovel Club de Portugal, em Lisboa, cidade que voltou ao mapa desta prova após uma ausência de 44 anos, foi a dupla Eric Mallen e Franck Metiffiot, num Volkswagen GTI, de 1979. Mallen conseguiu um honroso 39º lugar entre os 275 concorrentes classificados (ao todo, inscreveram-se mais de 330 equipas).

Já Yves Ruspeler e Hervé Delarbre, num BMW 2002 Tii, de 1971, conseguiram o 52º lugar da geral, logo seguido de Michel e Louis Chabran, noutro 2002 de 1971, mas versão Ti. A quarta melhor classificação dos "lisboetas" coube à dupla Antoine Raymond e Jean-Claude Lamorlette, num imponente Citroën DS 21, de 1967, no 69º lugar. 

Os concorrentes saídos da capital portuguesa tiveram de enfrentar 51 horas de viagem, totalizando 2.212 km de percurso, com passagem pelo Fundão, Salamanca e chegada a Digne les Bains, seguindo-se Saint André les Alpes, junto ao Parque Natural de Verdon.

Rally Monte Carlo Histórico 2016 VW Golf GTi

Partida Lisboa ACP Rally Monte Carlo Histórico 2016

Partida Lisboa ACP Rally Monte Carlo Histórico 2016

Partida Lisboa ACP Rally Monte Carlo Histórico 2016

02/02/2017

Politica de Utilização de Cookies

Este site utiliza Cookies de acordo com a política em vigor. Ao navegar em acp.pt estará a consentir a utilização dos Cookies. Saber mais