A ponte que deu o nome a Ponte de Lima – designada por Terra da Ponte no primeiro Foral, que lhe foi outorgado pela Rainha D. Teresa, em 1125 – era a única passagem segura do Rio Lima, em todo o seu percurso e até ao final da Idade Média.
Foi construída pelos romanos e, posteriormente, substituída por outra, na Idade Média, belo exemplar arquitetónico da altura. Da romana, original, subsiste ainda um único troço, na margem direita.

Ponte de Lima recebeu, há pouco tempo, a menção de “um dos melhores destinos europeus” (oito, no total) num Prémio Europeu de Turismo e Ambiente.
A sua beleza natural, o vale onde está inserida, a ruralidade, o próprio rio, calmo, fazem de Ponte de Lima um local paradisíaco.
É tida como a vila mais florida de Portugal, para o que contribuem os inúmeros jardins, com realce para o Parque Temático do Arnado que, só ele, engloba quatro e uma estufa / horto botânico.


Veja aqui toda a informação

05/11/2015

Fds

Politica de Utilização de Cookies

Este site utiliza Cookies de acordo com a política em vigor. Ao navegar em acp.pt estará a consentir a utilização dos Cookies. Saber mais